Mãe dá à luz a gêmeas com quase 2 meses de intervalo

By | 10/02/2015

Uma mulher romena de 41 anos deu à luz a duas meninas gêmeas bivitelinas com quase dois meses de intervalo. Uma das crianças nasceu prematuramente em novembro de 2014, enquanto a segunda permaneceu na barriga da mãe até janeiro de 2015.

A mulher, que não teve a identidade revelada, teve uma gravidez tranquila, quando, sem motivos aparentes, começou a ter contrações aos 7 meses. Ela deu à luz à primeira filha em um parto normal e os médicos esperavam que o nascimento da segunda criança acontecesse momentos depois, mas a mãe parou de sentir as contrações. Os médicos, então, fizeram um ‘check-up’ e aconselharam a mulher a deixar a segunda bebê na barriga por mais tempo para que ela pudesse crescer um pouco mais.

A segunda criança nasceu, então, com 9 meses, em janeiro de 2015, de cesariana em um hospital de Bucareste, capital da Romênia. Ambas as bebês nasceram com o peso abaixo do esperado: a primeira com cerca de 900g e a segunda com pouco mais de 1 kg

As duas permaneceram no hospital até o final do mês de janeiro, de onde saíram pesando 2,2 kg e 2,9 kg, informou o jornal britânico Daily Mail.

A médica Leila Hanna, ginecologista e obstetra do IMC Sloane Hospital, nos Estados Unidos, afirmou que o caso da família romena era "extremamente raro". Ela afirmou que "o fato de que elas nasceram com sete semanas de diferença é altamente incomum. Normalmente eles nascem com dias de intervalo, e não semanas", comentou.

"Ela deve ter tido o útero um pouco dilatado quando teve a primeira filha, mas, depois que parou de ter as contrações, o colo do útero deve ter se acalmado por ela não ter dilatação suficiente para a passagem da segunda filha", explicou a médica. 

As duas crianças passam bem e já estão em casa com a família. 

Internacional