Lei proíbe crianças de brincarem com aparelhos eletrônicos em Taiwan

By | 28/01/2015

O governo de Taiwan aprovou, nos últimos dias, uma lei que proíbe crianças menores de 2 anos de idade de usar dispositivos eletrônicos como iPads, smartphones e TVs. A multa chega a até £ 1.000. Os adolescentes menores de 18 anos também poderão ser multados caso não obedeçam ao uso "razoável" dos gadgets.

De acordo com a determinação oficial, "indivíduos com menos de 18 anos de idade não podem usar constantemente produtos eletrônicos por um período de tempo que não seja razoável”. Leis semelhantes existem na China e na Coréia do Sul.

O político taiwanês Lu Shiow-yen, que propôs nova lei, afirmou que sua intenção era proteger os jovens, impedindo-os de usar dispositivos eletrônicos por mais de 30 minutos a uma hora, informou o jornal The Telegraph. O tempo-limite para os jovens, porém, não foi determinado. 

Segundo o jornal britânico Daily Mail, a nova lei inclui iPads, smartphones e TVs em uma lista ao lado de cigarros e bebidas alcoólicas como substâncias e objetos de uso restrito. 

O periódico britânico afirmou, ainda, que mais de 250 acampamentos com estilo militar foram criados na China para curar o vício em Internet em jovens com menos de 18 anos. Uma pesquisa publicada no British Medical Journal concluiu que uma criança nascida hoje terá passado um ano inteiro olhando para telas (tablets, computadores, TVs) quando chegar aos 7 anos de idade.

Internacional