Jovem que prometeu investir dinheiro de clientes gastou quase tudo com vida luxuosa

By | 21/01/2015
Daniel Burgoyne (Foto: Reprodução/ Facebook)

Um jovem de 24 anos foi condenado a dois anos de prisão após roubar o dinheiro dos amigos para bancar uma vida luxuosa. O britânico Daniel Burgoyne dizia para os conhecidos que era capaz de fazer fortunas negociando no mercado de diamantes e crédito de carbono, segundo o site The Telegraph. Em seu Facebook, ele postava fotos com carros de luxo, garrafas de champanhe, relógios e cédulas.

Burgoyne afirmava aos interessados que trabalhava em um escritório no centro de Londres, quando na verdade ficava na cidade de Folkestone. Ele conseguiu convencer 18 pessoas de suas habilidades, que entregaram um total de 80 mil libras. Uma das vítimas chegou a investir 33 mil para a compra de um diamante. Desse total, ele investiu de fato apenas 10 mil – o restante teria sido usado para sustentar seu estilo de vida.

Segundo seu advogado, o jovem começou a trabalhar como açougueiro, mas foi recrutado por uma empresa que negociava créditos de carbono. O negócio não deu certo e Burgoyne resolveu continuar por si próprio. O advogado afirmou que ele estava arrependido pelas menitras que contou para convencer os investidores. 

O juiz o considerou culpado por 18 fraudes. Além dos dois anos de prisão, ele está proibido de ser diretor de empresa por sete anos Em sua casa, a polícia achou um diamante e vinhos, além de 30 mil libras na sua conta bancária. 

 

Revista Época Negócios