Hospital de Bangladesh registra morte de 10 crianças em menos de 10 horas

By | 10/02/2015

Um total de dez crianças e bebês morreram em uma única noite em um hospital público superlotado no nordeste de Bangladesh, levando autoridades a investigar se houve negligência por parte da equipe médica.

De acordo com Abdus Salam, vice-diretor do hospital universitário M.A.G Osmani, na cidade de Sylhet, as crianças estavam hospitalizadas devido a doenças diversas, incluindo desnutrição, infecções e pneumonia. As mortes ocorreram entre às 20h de segunda-feira e 6h desta terça-feira. As crianças tinham entre 1 dia de vida e 3 anos e meio de idade. Segundo Salam, as mortes foram por "causas naturais", mas parentes culpam os médicos e enfermeiras do local por negligência.

O hospital tem capacidade de 500 leitos, mas atende cerca de 1.800 pacientes por dia, disse Abdus Sabur Mia, diretor do hospital. "Num local como esse, é normal que muitos morram de causas naturais, mas vamos analisar seriamente o caso dessas crianças", comentou. De acordo com o diretor, os resultados da investigação serão divulgados em uma semana.

Sylhet fica a 12 quilômetros de Dhaka, capital de Bangladesh. O país reduziu os números de mortalidade infantil e óbitos maternos nos últimos anos, com campanhas de prevenção em todo o país. Fonte: Associated Press.

Internacional