Universitário é morto a tiros durante confusão em Parambu

By | 26/01/2015

Um jovem de 20 anos estudante do curso de Engenharia Civil foi morto, na madrugada desta segunda-feira (26), durante uma confusão em um bar, na localidade de Juazeiro, em Parambu (400Km de Fortaleza). De acordo com a Polícia, Mikael Moreira Feitosa estava com um grupo de amigos quando o tumulto começou. Um homem identificado com Antônio Leandro Almeida, 52, teria sacado um revólver e efetuado vários disparos durante a briga. 

O delegado que responde interinamente pela Delegacia Municipal de Parambu, Victor Timbó, disse que testemunhas e envolvidos no fato já foram ouvidos, mas por enquanto os motivos que incitaram a ocorrência não foram elucidados.

O suspeito do homicídio já era procurado pela Polícia pela prática de outro assassinato, ocorrido no município de Quixeramobim. "Ele vivia na cidade de Parambu na condição de foragido, porque tinha um mandado de prisão preventiva em aberto”, afirmou Timbó.  

Um homem identificado pela Polícia como Josias Alves de Oliveira, que teria dado fuga ao atirador, também está sendo procurado. “O  que nós sabemos é que eles estão em um Fiat, modelo Uno, de cor prata, com placas da Bahia. Como Antônio estava armado, ainda não podemos afirmar se o Josias deu fuga espontaneamente ou está sendo feito de refém", revelou o delegado. 

Mikael Feitosa é filho do vereador de Parambu Ronaldo Moreira Feitosa, e estava na Cidade passando as férias. O jovem morava em Manaus, no Amazonas, e sua  volta para lá estava programada para amanhã. Qualquer informação sobre o paradeiro do suspeito pode ser repassada pelo número (88) 3448-2300, da delegacia de Parambu. A Polícia garante total sigilo da identidade do informante.  

Ultima Hora