Terceiro suspeito confessa o latrocínio

By | 26/02/2015

A Polícia Militar prendeu, na tarde desta quarta-feira, o terceiro suspeito da morte do pastor Darckson Silva Lira, fundador do Ministério Vale da Benção. José Marcio Fernandes Teixeira, de 36 anos, confessou o crime. Os outros dois suspeitos foram presos na manhã desta quarta-feira. Ele explicou aos policiais, durante o depoimento que  Saturnino articulou com Ronaltty e com Márcio para roubar o pastor evangélico, referindo-se aos outros dois acusados do assassinato. O trio marcou um encontro com o religioso, mas houve uma discussão dentro do automóvel em que estavam. 

Darckson foi colocado no banco de trás, onde foi esfaqueado por Ronallty. Já o Márcio conseguiu fugir, mas foi capturado no Centro. O crime foi premeditado, pois Saturnino ligou para a vítima para marcar o encontro. 

Segundo a Polícia, o ‘Lorinho’ (Saturnino) disse que já tinha amizade e mantinha encontros íntimos com o pastor. "Queremos avançar nesses aspectos para sabermos o que realmente originou essa ação. Ele falou que teve relacionamento homossexual”, disse Almeida. 

Ultima Hora