Polícia brasileira prende um dos 15 foragidos mais procurados pelos EUA

By | 28/02/2015

Acusado de abuso sexual e de participar de uma seita religiosa, o norte-americano Victor Arden Barnard, 53 anos, foi preso em ação das polícias federal e militar do Rio Grande do Norte por volta das 21h desta sexta-feira (27), em Tibau do Sul, litoral sul potiguar.

Barnard era um dos 15 foragidos mais procurados pelo Departamento de Justiça dos Estados Unidos (U.S. Marshals) e tinha o nome na Difusão Vermelha da Interpol.

Ele é acusado por 59 abusos sexuais como participante da seita religiosa "River Road Fellowship", localizada no estado americano de Minnesota. As jovens abusadas tinham entre 13 e 15 anos de idade.

O norte-americano vivia escondido no Brasil desde 2012, mas a PF passou a investigá-lo apenas em 2014. O mandado de prisão foi expedido pelo Supremo Tribunal Federal.

A polícia o encontrou em um condomínio fechado e não teria tido resistência no momento da prisão. A recompensa para quem o encontrasse era de aproximadamente U$ 25 mil, cerda de R$ 70 mil.

Na residência, Barnard estava acompanhado de uma brasileira, de 34 anos, que responderá em liberdade pelo crime de favorecimento pessoal e será acusada de prestar ajuda a um foragido.

Internacional