Opositor de Putin é assassinado na Rússia

By | 27/02/2015

Um dos principais opositores do governo do presidente russo Vladimir Putin, Boris Nemtsov, 55, foi assassinado no centro de Moscou na noite desta sexta-feira (27).

A morte foi confirmada pelo Ministério do Interior do país, segundo a agência de notícias russa Interfax.

De acordo com a agência, o assassino, ainda não identificado, atirou em Nemtsov quatro vezes. Segundo o site russo Meduza, o político estava caminhando perto do Kremlin -sede do governo do país- com uma mulher quando foi atacado.

Nemtsov chegou a ser vice-premiê durante a gestão do presidente russo Boris Ieltsin, nos anos 90. Antes disso, ficou conhecido pelas reformas econômicas que promoveu como governador da região de Nijni Novgorod, uma das maiores cidades da Rússia, no oeste do país.

Após se desentender com Putin, sucessor de Ielstin, Nemtsov passou à oposição. Depois de deixar a Duma (Parlamento russo), em 2003, fundou uma série de organizações e partidos de oposição -o último deles foi o Partido da Liberdade do Povo, a que pertencia atualmente.

Internacional