Michael Jackson, Roberto Carlos e Raul Seixas são homenageados em blocos de rua

By | 16/02/2015

Grandes nomes da música brasileira e internacional ganharam blocos de carnaval exclusivos para tocar suas músicas, no Rio de Janeiro. Na manhã deste domingo (15) o Thriller Elétrico levou o rei do pop aos foliões da Vila Isabel, na zona norte da cidade, pela terceira vez. Com uma banda, três cantores e uma bateria completa, a Praça Barão de Drummond pulou ao som de "Bad", "Billie Jean", "Beat It", entre outros, em ritmo de carnaval.

Não faltaram sósias de Michael Jackson, como o dançarino profissional Rogi Sasha, que faz performance do rei do pop em eventos e festas. “Eu conheço o pessoal do bloco, mas venho só fazer uma participação esporádica mesmo, mas hoje não tem palco, vai ficar um pouco mais difícil. O carnaval está ótimo, muita energia positiva, não vi nenhuma confusão”.

No centro, a Praça Tiradentes recebeu, no início da tarde, o bloco Exalta Rei, que há cinco anos toca músicas de Roberto Carlos para esquenta a folia. F"esta de Arromba", "Minha Fama de Mau", "Quero Que Vá Tudo Pro Inferno" animaram os foliões sob um calor de 35 graus.

Usando uma coroa, o estudante Mateus Ribeiro Câmara disse que já tinha comprado a fantasia para o carnaval todo e foi coincidência ir ao Exalta Rei. Acabou caindo na zoação dos amigos. “Eu sou o rei da galera, rei do carnaval, rei do verão carioca, rei do camarote agregando valor. Mas o mais importante é o rei Roberto Carlos, sempre. É, com certeza, o rei da simpatia, o rei de quem cuida da cidade, de quem se importa com os outros, é isso que importa mais”.

No fim da tarde, será a vez do “maluco-beleza-poeta-herói-marginal” ser homenageado pelo bloco Toca Rauuul, também na Praça Tiradentes. Com releituras das músicas de Raul Seixas em ritmos carnavalescos como frevo, samba, marchinha e maracatu, “sem jamais perder a pegada rock ‘n’ roll”, o bloco saiu pela primeira vez em 2011.

No domingo passado (8) já teve o Fogo e Paixão, que desfilou pela quinta vez no dia em que foram lembrados os três anos da morte do “muso” do bloco, o cantor Wando. E amanhã será a vez dos beatlemaníacos caírem no batuque do Bloco do Sargento Pimenta, que desfila a partir das 15h, no Aterro do Flamengo.

Ultima Hora