Mais notícias Internacional: 16 morrem em trio elétrico no Haiti

By | 18/02/2015

Morte de promotor

Testemunha aponta falha em apuração

Uma testemunha do caso da morte do promotor argentino Alberto Nisman, a garçonete Natalia Fernandez, disse que o local do crime não foi preservado. O promotor estava pronto para denunciar a presidente da Argentina, Cristina Kirchner, por supostamente dificultar a investigação sobre a explosão de uma bomba na sede da entidade judaica Amia em 1994, que deixou 85 mortos.

Carnaval cancelado

16 morrem em trio elétrico no Haiti

O governo do Haiti cancelou o terceiro e último dia de Carnaval no país e decretou luto oficial de três dias após ao menos 16 pessoas morrerem em um acidente com um trio elétrico na capital, Porto Príncipe. Pelo menos outras 78 pessoas teriam ficado feridas por causa do incidente.

Internacional