Maior tesouro de moedas antigas é encontrado em Israel

By | 19/02/2015

Na costa da cidade de Cesareia, em Israel, um grupo de mergulhadores encontrou o maior tesouro de moedas antigas de ouro, que inclui duas mil peças do período fatímida, que datam de, aproximadamente, mil anos.

‘Trata-se da maior descoberta de moedas feitas em Israel, com a qual podemos compreender melhor a rica economia desta dinastia muçulmana’, explicou Jacob Sharvit, responsável pela unidade arqueológica de pesquisa da marinha.

De acordo com o site da revista Exame, as moedas de ouro foram localizadas há duas semanas por mergulhadores que, ao notarem que podiam se tratar de objetos valiosos, informaram a descoberta ao responsável pela equipe de Cesareia, que notificou o ocorrido à divisão marinha da Autoridade de Antiguidades de Israel (AAI).

Graças a um detector de metais e após vários mergulhos, duas mil moedas foram desenterradas, pesando um total de seis quilos, e especialistas acreditam que muitas outras possam aparecer.

As moedas são diversos tamanhos e pesos e várias delas apresentam marcas de mordidas, o que evidencia que foram inspecionadas por seus proprietários ou mercadores. Os arqueólogos sugerem que as peças podem ter viajado a bordo de um navio que naufragou perto da costa mediterrânea.

A mais antiga foi cunhada em Palermo, na Sicília, na segunda metade do século IX, enquanto a mais nova é de 1036, o que levou os arqueólogos a concluírem que esta foi a época em que o navio afundou.

Internacional