Kerry promete negociar com Irã

By | 14/06/2015

Washington. O secretário de Estado americano, John Kerry, afirmou na última sexta-feira, após deixar o hospital onde estava internado por causa de uma fratura no fêmur, que voltará a Viena "nos próximos dias" para concluir as negociações sobre um acordo nuclear com o Irã antes de 30 de junho.

"Falei com a nossa equipe em Viena. Estarei total e completamente comprometido com estas conversações. Estou agora", disse Kerry a jornalistas que o aguardavam do lado de fora do hospital de Boston (nordeste), onde permaneceu por 10 dias.

"Não perdi nada e viajarei para lá no momento apropriado nos próximos dias para buscar avanços neste momento crítico das negociações", acrescentou o chefe da diplomacia americana.

Kerry, de 71 anos, foi operado em 2 de junho por médicos do Hospital Geral de Massachusetts, após fraturar o fêmur quando andava de bicicleta nos Alpes (centro-leste da França), em 31 de maio.

O secretário de Estado estava em viagem oficial a Genebra para reunir-se com o colega iraniano, Mohammad Javad Zarif, sobre o programa nuclear de Teerã. As discussões entre especialistas e dirigentes políticos do grupo 5+1 (Estados Unidos, Rússia, China, França, Reino Unido e Alemanha) e o Irã foram retomadas nesta quinta-feira em Viena. Após 20 meses de intensas negociações, em abril adotaram em Lausanne, Suíça, um acordo-quadro intermediário que deve ser concretizado antes de 30 de junho.

Internacional