Itaú anuncia parceria com Guga

By | 19/02/2015
Guga e Fernando Chacon, do Itaú Unibanco (Foto: João Pires / Itaú)

O Itaú anunciou nesta quinta-feira (19/02) uma parceria para que Gustavo Kuerten seja embaixador da marca no Brasil para o tênis. Por enquanto, Guga não deve estampar anúncios na grande mídia. A proposta inicial é que ele apareça em ações nas redes sociais, além de marcar presença nos eventos de tênis patrocinados pelo Itaú, interagindo com o público nesses momentos.

A ideia de ter Guga como parceiro não é nova. Porém, por muito anos ele manteve um contrato com o Banco do Brasil. De acordo com Fernando Chacon, diretor executivo do Itaú Unibanco, desde que a empresa aumentou seus investimentos no tênis na última década, o contato com o tricampeão de Roland Garros também foi maior. Com o encerramento da parceria com o BB, o Itaú finalmente conseguiu oficializar a relação. O executivo destaca que o tenista transmite valores como determinação, disciplina e simplicidade.

Segundo Chacon, o fato de ele já ter sido o rosto de outro banco não atrapalha. "Fizemos estudo e não há ligação de imagem dele com o antigo patrocinador", diz. 

+ Os projetos e investimentos da família de Gustavo Kuerten

O Itaú está envolvido há 40 anos com o tênis, mais tempo do que o futebol, no qual o banco começou a investir há duas décadas.  Porém, segundo Chacon, a atenção ao esporte não foi tão grande em relação às iniciativas do Itaú para educação e cultura até 2006. Para o executivo, os investimentos em iniciativas que vão além do negócio principal do banco ajudam a manter uma relação emocional com os clientes e conquistar pessoas que acreditam em suas causas.

O banco já apoia projetos de formação no esporte, mas com a parceria se envolverá também com a Escolinha Guga e o Instituto Guga Kuerten. "O Itaú já apoia o tênis há muito tempo e fico muito feliz em poder contribuir como um embaixador da marca, em prol do desenvolvimento do esporte no Brasil”, afirmou Guga em nota.

O anúncio foi feito durante o Rio Open, que o Itaú patrocina desde que a competição foi trazida para o país. A partir deste ano, o banco também será o principal patrocinador do Miami Open, que acontece em março. Nesse caso, a iniciativa faz parte da estratégia de construir a marca fora do país por meio de grandes eventos.

Revista Época Negócios