Germanwings oferece indenizações por danos emocionais a familiares de vítimas

By | 30/06/2015

A companhia aérea alemã Germanwings está oferecendo indenizações de 25.000 euros para familiares próximos das vítimas fatais da queda do dia 24 de março pela sua dor e sofrimento, declarou a empresa nesta terça-feira.

Evidências mostram que o copiloto Andreas Lubitz trancou o capitão fora da cabine durante o voo 4U9525, que ia de Barcelona a Duesseldorf, e atirou o avião deliberadamente contra a encosta de uma montanha, matando todas as 150 pessoas a bordo.

Os pagamentos de 25.000 euros se somam aos 50.000 euros já pagos como assistência financeira imediata aos familiares. A lei alemã normalmente não contempla pagamentos separados por dor e sofrimento, ao contrário do que ocorre nos Estados Unidos.

A Germanwings, uma unidade da Lufthansa, afirmou nesta terça-feira que deseja tratar todos com justiça, embora um advogado tenha dito que a oferta é insuficiente.

As indenizações por danos emocionais serão feitas a pais, cônjuges, parceiros e filhos das vítimas e não serão exigidas provas dos danos sofridos para a efetuação dos pagamentos, disse a empresa.

Parentes próximos que vivem na Alemanha também podem requerer outros 10.000 euros por pessoa como indenização por quaisquer problemas de saúde sem precisar comprová-los, acrescentou a companhia.

Internacional