Barril do Brent despenca 6,7% e fecha abaixo de US$ 30

By | 15/01/2016
Extração de petróleo no Texas, nos Estados Unidos (Foto: Reuters/Arquivo)

O barril de petróleo Brent para entrega em março fechou nesta sexta-feira (15/01) em forte queda de 6,7% no mercado de futuros de Londres, cotado a US$ 28,94, e com isso terminou uma jornada de negociações abaixo da barreira de US$ 30 pela primeira vez desde fevereiro de 2004.

O petróleo do Mar do Norte terminou a sessão no International Exchange Futures (ICE) US$ 2,08 abaixo do valor final da última negociação, que foi de US$ 31,02.

As sanções internacionais a Teerã por seu programa nuclear acabarão previsivelmente nos próximos dias, o que permitirá à república islâmica, que possui a quarta maior reserva de petróleo do mundo, voltar a exportar a matéria-prima.

Analistas calculam que o Irã está pronto para bombear 500 mil barris diários adicionais assim que a sanção foi revogada, e em poucos meses esse número poderá até dobrar.

Além disso, os contínuos sinais de desaceleração da economia da China, segundo maior consumidor mundial de petróleo, reavivaram os temores de que a diferença entre a demanda e a oferta mundiais continue aumentando, o que favorece a queda dos preços.

Os países produtores e as companhias petrolíferas são os mais prejudicados por este cenário, que no entanto beneficia os consumidores, os países importadores e companhias com um alto consumo de combustível, como as companhias aéreas.

Revista Época Negócios