Auditores fiscais realizam uma mobilização no Porto do Pecém

By | 12/01/2016

Os auditores fiscais da Receita Federal iniciaram nesta terça-feira (12) uma paralisação que deve durar três dias. O ato afeta diversos serviços, como o plantão fiscal, a malha fiscal, o desembaraço de mercadorias referentes à entrada e saída de produtos, e o trânsito aduaneiro.

Nesta terça-feira, a categoria realizou uma mobilização na aduana do Porto do Pecém. Enquanto que na próxima quarta-feira (13) o ato deverá acontecer nas Delegacias de Julgamento (DRJ)e na Superintendência Regional. 

De acordo com o presidente do Sindicato dos Auditores Fiscais da Receita Federal Delegacia Ceará (Sindisfisco DF-CE), ainda não houve nenhum prejuízo registrado devido à paralisação. Entretanto após os três dias previstos, vários setores deverem ser prejudicados.

Os únicos serviços que serão realizados durante a paralisação são o cumprimento de ordens judiciais, o despacho aduaneiro relativo a bagagem de viajantes, cargas perecíveis, medicamentos, animais vivos e urnas mortuárias, e procedimentos de liberação de navios nos portos.

Negócios